Gestão Pública News

Política

Oposição acusa Taques de tentar barrar escolha de juíza para atuar em Cuiabá
12 de Julho de 2018 ás 13:10 -

FOLHAMAX Durante a sessão da Assembleia Legislativa (ALMT) na noite de quarta-feira, o deputado estadual Zeca Viana usou a tribuna para denunciar...

Oposição acusa Taques de tentar barrar escolha de juíza para atuar em Cuiabá

FOLHAMAX

Durante a sessão da Assembleia Legislativa (ALMT) na noite de quarta-feira, o deputado estadual Zeca Viana usou a tribuna para denunciar uma suposta demora na escolha de quem substituirá o juiz Marcos Faleiros da Silva, na Sétima Vara Criminal de Cuiabá e que o governador estaria influenciando o Tribunal de Justiça de Mato Grosso (TJMT) nesta escolha. Desde abril, os magistrados interessados na vaga se inscreveram, mas até hoje o presidente do Judiciário, desembargador Rui Ramos, ainda não colocou o pleno para definir o escolhido.

Faleiros atualmente atua como juiz substituto na Sétima Vara Criminal, onde foi redesignado e por muito tempo atuou em conjunto com a juíza aposentada Selma Rosane Santos Arruda (PSD), que atualmente é pré-candidata ao Senado. Ela foi substituída recentemente por Jorge Luiz Tadeu Rodrigues.

Para Viana, o governador estaria influenciando na designação do novo magistrado que atuará na Sétima Vara, que é responsável pelo combate ao crime organizado e crimes de corrupção. Há pedidos, por exemplo, de que ações penais relativas a Operação Bereré e da Grampolândia Pantaneira desçam para a primeira instância, ficando sob responsabilidade desta vara.

Nelas, figuram como réus aliados e até mesmo parentes do governador, como o ex-secretário da Casa Civil, Paulo Taques, primo de Pedro Taques, que figura nas duas investigações como um dos principais envolvidos. “Qual a interferência que está acontecendo com esse presidente que ele está deixando os outros desembargadores indignados? Será que existe uma pressão do Poder Executivo? Será que o Tribunal agora está de joelhos com esse governador, que é o todo poderoso? Ou ele quer escolher alguém para colocar lá para depois julgar os processos dele? Por que ele vai ter muitos. Já tem muitos”, disparou Zeca.

Segundo Zeca Viana, tudo estaria pronto no Tribunal de Justiça para que a juíza Ana Cristina Silva Mendes, que atualmente atua como juíza auxiliar da Corregedoria do TJ, assuma a função pelo critério de antiguidade. De acordo com o parlamentar, Taques teve atritos com a magistrada durante as eleições de 2014, quando ela atuou no Tribunal Regional Eleitoral.

O deputado também cobrou do atual presidente do TJ uma explicação sobre a lentidão na mudança. “Ele teve uma indisposição com essa juíza nas eleições de 2014. Ela era do TRE e ele disse que ela estava a serviço de algumas candidaturas, só porque o marido dela trabalhava na Assembleia. Então ele sabe que vai sofrer as consequências. O desembargador tem que manter a independência da Justiça. Se o TJ cair na mesma situação que esta Casa e se tornar um puxadinho do governo, e não confiarmos mais na justiça. Está deixando os próprios desembargadores em situação constrangedora”, afirmou.

Nenhum Comentário

Últimas notícias

  1. Justiça condena ex-vereadora de Cuiabá a 11 anos de prisão por desvios de R$ 6,3 mi

    Justiça

    (13:41) Justiça condena ex-vereadora de Cuiabá a 11 anos de prisão por desvios de R$ 6,3 mi

    Folhamax O juiz da Sétima Vara Criminal...

  2. Presidente do TJMT afirma que não aceitará redução do duodécimo e confia que Judiciário não será prejudicado

    Justiça

    (13:40) Presidente do TJMT afirma que não aceitará redução do duodécimo e confia que Judiciário não será prejudicado

    Olharjurídico O novo presidente do Tribunal...

  3. Supremo aponta novos crimes e não homologa delação de Riva

    Justiça

    (13:37) Supremo aponta novos crimes e não homologa delação de Riva

    MidiaNews A Primeira Turma do Supremo Tribunal...

  4. Justiça aceita desistência de recurso e delação de Zaqueu é cogitada

    Justiça

    (13:34) Justiça aceita desistência de recurso e delação de Zaqueu é cogitada

    RepórterMT O desembargador Luiz Ferreira,...

Copyright @ Gestão Pública News - 2009 - Todos Direitos Reservados