Gestão Pública News

Política

Novo pronto-socorro será entregue sem atrasos e atual estrutura concentrará pediatria
03 de Janeiro de 2018 ás 00:00 -

Com a proposta de ser entregue no primeiro semestre de 2018, o novo pronto-socorro de Cuiabá com 318 leitos não terá atrasos, como confirmou o prefeito Emanuel Pinheiro (PMDB).

Novo pronto-socorro será entregue sem atrasos e atual estrutura concentrará pediatria

DO OLHARDIRETO

Com a proposta de ser entregue no primeiro semestre de 2018, o novo pronto-socorro de Cuiabá com 318 leitos não terá atrasos, como confirmou o prefeito Emanuel Pinheiro (PMDB). O gestor segue trabalhando para que o atual PSM continue operando como pediatria e que o custeio com tercerizações de equipamentos seja dividido com o governo do estado.

 

A informação foi confirmada pela secretária de Saúde do município Elizeth Araújo. A titular da pasta também explicou que todo o projeto para a compra do equipamento da nova unidade de saúde já está pronta e que espera os últimos detalhes serem definidos para que a licitação seja divulgada.

“Uma licitação, um pregão ele é rápido. É cinco dias de publicação, só que se você fizer uma TR (Termo de Referência) com defeito você dá margem para recursos e ai a empresa fica de quatro a cinco meses enrolando o processo licitatório. O projeto está pronto, mas está passando por uma última análise da consultoria. Estamos segmentando ele por modalidade. Os instrumentais vamos fazer em um lote, mobiliário vamos fazer em outro, equipamentos de centro cirúrgico e de enfermaria vamos fazer em outro lote”, esclareceu.

Os serviços como raio x, tomografia, ressonância magnética e laboratório devem ser tercerizado, assim como funciona o atual pronto-socorro. Já o restante de equipamentos será comprado com os R$ 30 milhões que está vindo da emenda da bancada federal.

A secretária também informou que os R$ 30 milhões não serão suficientes para custear os equipamentos e que o prefeito está trabalhando muito para conseguir pelo menos R$ 48 milhões, além de uma ajuda do Ministério da Saúde e do governo do estado para o custeio.

“Vamos precisar de R$ 48 milhões para equipar e o prefeito está trabalhando para conseguir pelo menos este valor. Estamos também trabalhando para o estado entrar no custeio, por que o financiamento de qualquer serviço ele é tripartite, tem participação dos três entes federados. Ainda mais o pronto-socorro que é pra o estado todo. Por isso estamos desenvolvendo um projeto para apresentar ao ministério pedindo um custeio de aproximadamente R$ 7 milhões, ou seja um custo de R$ 3,5 para o município e R$ 3,5 para o estado”, explicou.

A previsão de entrega do hospital, segundo o prefeito Emanuel Pinheiro é para o aniversário de 299 anos de Cuiabá, no dia 8 de abril de 2018.

Pediatria e maternidade

O atual pronto-socorro na região central de Cuiabá irá trabalhar apenas como pediatria e maternidade. Conforme a secretária toda equipe de pediatria irá se concentrar na unidade e o novo pronto-socorro irá atender apenas adulto.

“Vamos mudar o perfil dele para atender pediatria, como hospital pediátrico e já começar a trabalhar para atender maternidade. Com isso o novo pronto-socorro fica só para adulto e também trabalha com pacientes de retaguarda, com problemas crônicos. Queremos concentrar a equipe de pediatra que temos no pronto-socorro atual mantendo um pronto-atendimento pediátrico e hospital pediátrico e maternidade”, afirmou. 

Nenhum Comentário

Últimas notícias

  1. Tribunal mantém multas para ônibus de transporte público com problemas técnicos

    Justiça

    (06:48) Tribunal mantém multas para ônibus de transporte público com problemas técnicos

    O Tribunal de Justiça de Mato Grosso negou no mês de dezembro pedido de liminar da Federação das Empresas de Transporte de Passageiros, entidade conhecida como Fetramar, que buscava declarar inconstitucional lei de Cuiabá...

  2. Estado transfere R$ 2,3 bilhões aos municípios em 2017

    Economia

    (06:25) Estado transfere R$ 2,3 bilhões aos municípios em 2017

    O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Fazenda (Sefaz), transferiu de janeiro a novembro de 2017 o valor de R$ 2,36 bilhões às prefeituras.

  3. Valtenir aponta irregularidades e cobra deputados

    Política

    (00:00) Valtenir aponta irregularidades e cobra deputados

    Em mais um episódio da briga entre os antigos membros do PSB e o novo presidente da legenda, deputado federal Valtenir Pereira, o gestor divulgou neste domingo dados de irregularidades da antiga administração do partido.

  4. Governo pagará R$ 50 mi em emendas impositivas de deputados

    Política

    (00:00) Governo pagará R$ 50 mi em emendas impositivas de deputados

    No entanto, ainda faltarão cerca de R$ 75 milhões para sanar o passivo referente a 2017

Copyright @ Gestão Pública News - 2009 - Todos Direitos Reservados