Gestão Pública News

Justiça

Juíza ouve acusação em ação criminal contra Eder, Percival Muniz e mais seis
09 de Setembro de 2019 ás 14:11 -

Olharjurídico Ocorre na manhã desta segunda-feira (9), na Sétima Vara Criminal de Cuiabá, audiência de instrução...

Juíza ouve acusação em ação criminal contra Eder, Percival Muniz e mais seis

Olharjurídico

Ocorre na manhã desta segunda-feira (9), na Sétima Vara Criminal de Cuiabá, audiência de instrução em processo movido pelo Ministério Público de Mato Grosso (MPE) contra o ex-secretário de Fazenda (Sefaz) Eder Moraes, o ex-deputado estadual e ex-prefeito de Rondonópolis Percival Santos Muniz e mais seis pessoas.  

 

O processo é julgado pela magistrada Ana Cristina Mendes. Nesta segunda são ouvidas testemunhas de acusação. Amanhã, terça-feira (9), serão ouvidas testemunhas de defesa. Ainda não há data definida para interrogatório dos réus. No caso, o Ministério Público de Mato Grosso (MPE), por meio do Grupo de Atuação Especial Contra o Crime Organizado (Gaeco) ofereceu denúncia em 2018 por corrupção passiva e ativa envolvendo atos fraudulentos na época em que Eder Moraes estava à frente da Secretaria de Estado de Fazenda. Foram denunciados além de Éder Moraes e Percival, o ex-secretário Adjunto de Gestão da Sefaz, Emanuel Gomes Bezerra Júnior; os empresários Jair de Oliveira Lima,  José Márcio Menezes, Jurandir da Silva Vieira, Cláudia Angélica de Moraes Navarro e a servidora da Sefaz, Lucia Alonso Correia.

 

De acordo com o MPE, os fatos apontados nas denúncias revelam esquema para desvio de recursos públicos na ordem de R$ 12 milhões, ainda não atualizados. As fraudes foram cometidas com utilização de cenário e documentações falsas que justificaram pagamentos em torno de um suposto processo de restabelecimento econômico financeiro envolvendo contratos firmados entre a Sefaz e a empresa Bandeirantes Construções e Terraplanagem Ltda, no ano de 2005.

Nenhum Comentário

Últimas notícias

  1. MPE investiga acúmulo de salários de major da PMMT que é secretário no DF

    Justiça

    (15:15) MPE investiga acúmulo de salários de major da PMMT que é secretário no DF

    Folhamax O MPE (Ministério Público...

  2. Com 58 anexos, delação atinge até membros do Poder Judiciário

    Justiça

    (15:12) Com 58 anexos, delação atinge até membros do Poder Judiciário

    Midiajur A delação premiada...

  3. STJ homologa delação premiada do conselheiro afastado Sérgio Ricardo

    Justiça

    (15:09) STJ homologa delação premiada do conselheiro afastado Sérgio Ricardo

    RepórterMT Superior Tribunal de Justiça...

  4. Justiça condena ortopedistas da rede pública por captarem pacientes para consultórios particulares

    Justiça

    (15:07) Justiça condena ortopedistas da rede pública por captarem pacientes para consultórios particulares

    Olharjurídico A Justiça julgou...

Copyright @ Gestão Pública News - 2009 - Todos Direitos Reservados