Gestão Pública News

Tribunal Superior do Trabalho

Greve do setor elétrico pode terminar amanhã
07 de Agosto de 2013 ás 18:53 -

Débora Zampier Repórter da Agência Brasil Brasília – A greve do setor elétrico está perto de terminar,...

Greve do setor elétrico pode terminar amanhã

Débora Zampier Repórter da Agência Brasil

Brasília – A greve do setor elétrico está perto de terminar, segundo entendimento selado hoje (7) em audiência conciliatória no Tribunal Superior do Trabalho (TST). O contrato coletivo dos eletricitários pelos próximos dois anos deve ser assinado na Seção de Dissídios Coletivos do TST na próxima segunda-feira (12).

Os sindicatos levarão a proposta de acordo para as assembleias de trabalhadores até as 18h de amanhã (8), quando o encerramento da greve deve ser definido. O acerto prevê a reposição salarial pelo Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) acumulado até maio deste ano, com reajuste real de salário de 0,8% retroativo ao mesmo mês.

Em janeiro de 2014, haverá outro reajuste real de 0,7%, e, em setembro do mesmo ano, novo reajuste real de 1%. As partes mantiveram as cláusulas do último acordo coletivo com atualização pelo IPCA dos itens que envolvem gastos, como tíquetes-refeição e alimentação.

Os trabalhadores compensarão cinco dias não trabalhados e as empresas do sistema Eletrobras abonarão o restante. Os trabalhadores contratados até dezembro de 2012 continuarão a receber o adicional de periculosidade conforme regras em vigor na época. Desde então, uma lei alterou a base de cálculo, tema que vem sendo questionado na Justiça.

Ao sair de reunião no Ministério de Minas e Energia, o presidente da Eletrobras, José da Costa Carvalho Neto, disse que teve boa impressão durante a audiência de conciliação desta quarta-feira no TST. “Eu tenho a impressão de que fomos bem. Amanhã teremos as assembleias gerais [dos trabalhadores] e estou esperançoso de que a greve termine amanhã.”

Edição: Nádia Franco//Matéria ampliada às 18h35 para inclusão de declaração do presidente da Eletrobras

Nenhum Comentário

Últimas notícias

  1. Há mais de um ano em licença médica, Ledur pode ser aposentada por invalidez

    Justiça

    (16:03) Há mais de um ano em licença médica, Ledur pode ser aposentada por invalidez

    Olharjurídico A tenente do Corpo de Bombeiros...

  2. Ex-procurador de MT cita imunidade funcional, mas STJ mantém bloqueio de bens

    Justiça

    (16:01) Ex-procurador de MT cita imunidade funcional, mas STJ mantém bloqueio de bens

    Folhamax O ministro do Superior Tribunal de...

  3. Justiça manda servidor apagar comentário ofensivo contra juiz

    Justiça

    (15:59) Justiça manda servidor apagar comentário ofensivo contra juiz

    MidiaNews O juiz Emerson Cajango, do Quinto...

  4. STF pode julgar pedido de liberdade de Lula no próximo dia 26

    Justiça

    (15:58) STF pode julgar pedido de liberdade de Lula no próximo dia 26

    Portalmatogrosso O ministro do Supremo Tribunal...

Copyright @ Gestão Pública News - 2009 - Todos Direitos Reservados