Gestão Pública News

Polícia

Foragida desafiou a polícia ao fazer festa em boate, diz delegado
08 de Dezembro de 2015 ás 11:34 -

Acusada prestou depoimento e negou participação no crime

Foragida desafiou a polícia ao fazer festa em boate, diz delegado

THAIZA ASSUNÇÃO DA REDAÇÃO - MIDIANEWS

O delegado Marcel Gomes, da Delegacia Especializada de Roubos e Furtos de Cuiabá, classificou como um ato de “audácia” a festa dada pela foragida Bruna Moura Ferreira, de 23 anos, em uma boate na Avenida Getúlio Vargas. Ela foi presa durante o evento batizado com o nome “Bandidas de Luxo”, em comemoração ao seu aniversário, no dia 29 de novembro. Bruna é suspeita de participar de um latrocínio (roubo seguido por morte) na casa de um policial rodoviário federal, no dia 20 de março deste ano - e estava com a prisão decretada pela Justiça de Mato Grosso há quatro meses. Na ocasião, dois adolescentes, de 16 e 17 anos, invadiram a residência do agente. Houve confronto entre a vítima e os suspeitos, e os dois adolescentes morreram baleados. O namorado de Bruna, Welley Hernandes do Carmo, de 26 anos, foi preso no dia 14 de julho, por supostamente dar “cobertura” ao crime. Para o delegado, a acusada, desafiou a polícia ao realizar a festa e, também, ao publicar cartazes do evento com a sua foto nas redes sociais. Ela sabia que tinha um mandado de prisão decretado pela Justiça, pois contratou um advogado para tentar revogar o pedido, mas, mesmo assim, fechou uma boate no Centro de Cuiabá e publicou cartazes da festa com sua foto em todas as redes sociais. Isso, para mim, foi muita audácia “Ela sabia que tinha um mandado de prisão decretado pela Justiça, pois contratou um advogado para tentar revogar o pedido, mas, mesmo assim, fechou uma boate no Centro de Cuiabá e publicou cartazes da festa com sua foto em todas as redes sociais. Isso, para mim, foi muita audácia”, declarou. Conforme o delegado, em depoimento Bruna negou participação no crime. Afirmou, porém, que tinha conhecimento do assalto e que conhecia os dois adolescentes que morreram na ocasião. “Inclusive ela postou na rede social Facebook ‘Deus livrou meu amor dessa’, depois do assalto”, disse o delegado. De acordo com o delegafo, Bruna deu apoio logístico à quadrilha, sendo responsável por buscar os adolescentes em suas casas e os deixarem no local do crime. Após ser ouvida, a suspeita foi encaminhada para a Penitenciária Feminina Ana Maria do Couto May, em Cuiabá. Segundo Gomes, Bruna deve responder pelos crimes de tentativa de latrocínio e associação criminosa. O crime O policial rodoviário chegava em casa com o filho quando os dois adolescentes se aproveitaram do momento em que o portão fechava para invadir a residência. Ao perceberam que o policial estava armado, os suspeitos atiraram e a vítima acabou reagindo. Um dos menores morreu após dar entrada no Pronto-Socorro de Cuiabá. O outro adolescente chegou a ficar internado 10 dias no hospital e também morreu.  

Nenhum Comentário

Últimas notícias

  1. Tribunal mantém multas para ônibus de transporte público com problemas técnicos

    Justiça

    (06:48) Tribunal mantém multas para ônibus de transporte público com problemas técnicos

    O Tribunal de Justiça de Mato Grosso negou no mês de dezembro pedido de liminar da Federação das Empresas de Transporte de Passageiros, entidade conhecida como Fetramar, que buscava declarar inconstitucional lei de Cuiabá...

  2. Estado transfere R$ 2,3 bilhões aos municípios em 2017

    Economia

    (06:25) Estado transfere R$ 2,3 bilhões aos municípios em 2017

    O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Fazenda (Sefaz), transferiu de janeiro a novembro de 2017 o valor de R$ 2,36 bilhões às prefeituras.

  3. Valtenir aponta irregularidades e cobra deputados

    Política

    (00:00) Valtenir aponta irregularidades e cobra deputados

    Em mais um episódio da briga entre os antigos membros do PSB e o novo presidente da legenda, deputado federal Valtenir Pereira, o gestor divulgou neste domingo dados de irregularidades da antiga administração do partido.

  4. Governo pagará R$ 50 mi em emendas impositivas de deputados

    Política

    (00:00) Governo pagará R$ 50 mi em emendas impositivas de deputados

    No entanto, ainda faltarão cerca de R$ 75 milhões para sanar o passivo referente a 2017

Copyright @ Gestão Pública News - 2009 - Todos Direitos Reservados