Gestão Pública News

Tribunais de Contas

Apenas Campos Neto está apto a disputar a presidência do TCE em novembro
16 de Outubro de 2017 ás 13:44 -

regimento interno do órgão prevê que apenas os conselheiros titulares podem disputar o pleito e Campos Neto é o único que não foi afastado.

Apenas Campos Neto está apto a disputar a presidência do TCE em novembro

DA REDAÇÃO - REPÓRTERMT

O Tribunal de Contas do Estado (TCE) deve realizar a eleição para a presidência do órgão no início de novembro. Porém, com o afastamento pelo Supremo Tribunal Federal (STF) de cinco conselheiros, apenas Gonçalo Domingos Campos Neto, que já exerce a função, está apto à disputa.

A eleição está prevista para o dia 7 de novembro, na primeira sessão ordinária no mês. O regimento interno do órgão prevê que apenas os conselheiros titulares podem disputar o pleito.

Os conselheiros Antonio Joaquim, José Carlos Novelli, Waldir Teis e Valter Albano, além de Sérgio Ricardo, que já estava afastado do cargo, foram suspensos da função por determinação do ministro do STF, Luiz Fux, em 14 de setembro, com a deflagração da Operação Malebolge.

Eles foram citados na delação do ex-governador Silval Barbosa (PMDB), que os acusou de cobrar propina no valor de R$ 53 milhões para garantir a manutenção de obras no governo do peemedebista.

Dessa forma, Campos Neto, por ser o único titular que restou, assumiu a presidência do TCE. O restante dos cargos está ocupado por conselheiros substitutos, que não podem assumir a função de presidente do órgão de controle.

Caso nenhum conselheiro consiga reverter o afastamento, Campos Neto deve ser promulgado no cargo e a posse deve ocorrer na segunda quinzena de dezembro. A função será exercida de fato, a partir de 1º de janeiro de 2018.

Nenhum Comentário

Últimas notícias

  1. Tribunal mantém multas para ônibus de transporte público com problemas técnicos

    Justiça

    (06:48) Tribunal mantém multas para ônibus de transporte público com problemas técnicos

    O Tribunal de Justiça de Mato Grosso negou no mês de dezembro pedido de liminar da Federação das Empresas de Transporte de Passageiros, entidade conhecida como Fetramar, que buscava declarar inconstitucional lei de Cuiabá...

  2. Estado transfere R$ 2,3 bilhões aos municípios em 2017

    Economia

    (06:25) Estado transfere R$ 2,3 bilhões aos municípios em 2017

    O Governo do Estado, por meio da Secretaria de Fazenda (Sefaz), transferiu de janeiro a novembro de 2017 o valor de R$ 2,36 bilhões às prefeituras.

  3. Valtenir aponta irregularidades e cobra deputados

    Política

    (00:00) Valtenir aponta irregularidades e cobra deputados

    Em mais um episódio da briga entre os antigos membros do PSB e o novo presidente da legenda, deputado federal Valtenir Pereira, o gestor divulgou neste domingo dados de irregularidades da antiga administração do partido.

  4. Governo pagará R$ 50 mi em emendas impositivas de deputados

    Política

    (00:00) Governo pagará R$ 50 mi em emendas impositivas de deputados

    No entanto, ainda faltarão cerca de R$ 75 milhões para sanar o passivo referente a 2017

Copyright @ Gestão Pública News - 2009 - Todos Direitos Reservados